Função OU - Excel

por João Henrique

A função OU é uma função que trabalha com os valores VERDADEIRO e FALSO, por isso é classificada como uma função lógica. Uma expressão com OU é verdadeira se pelo menos 1 das suas partes é verdadeira. Antes de apresentar o uso da função OU no Excel, eu prefiro explicar seu funcionamento através de um pequeno exemplo:

Afirmação 1: Marcela é bonita OU Marcela é rica

A gente pode dizer se essa afirmação é verdadeira? Bom, depende da Marcela, né? Vamos analisar as diferentes possibilidades:

Situação 1:
Marcela é bonita? Sim.
Marcela é rica? Sim.

Ah, nesse caso a afirmação 1 é verdadeira! Aliás, Marcela não é só bonita OU rica, ela é as duas coisas ao mesmo tempo. Sendo assim, podemos dizer que a afirmação como um todo é verdadeira.

Situação 2:
Marcela é bonita? Não.
Marcela é rica? Não.

Xi, Marcela não é bonita nem rica. Isso quer dizer que a Afirmação 1 é falsa, ela não é nem uma coisa nem outra! E se ela for só uma coisa, como é que fica?

Situação 3:
Marcela é bonita? Não.
Marcela é rica? Sim.

Nesse caso Marcela não é bonita, mas é rica. Bom, se ela é pelo menos 1 das coisas (rica), a gente pode dizer que a afirmação como um todo (Marcela é bonita OU Marcela é rica) é verdadeira. O mesmo vale para a situação 4:

Situação 4:
Marcela é bonita? Sim.
Marcela é rica? Não.

A gente pode generalizar esse raciocínio com a seguinte definição:

Uma expressão OU é verdadeira quando pelo menos 1 das suas partes é verdadeira

Ou seja, ela só é falsa quando todas as suas partes são falsas. Mesmo que a afirmação tenha 100 frases, sendo 99 falsas e apenas 1 verdadeira, a 1 que é verdadeira é suficiente para dizer que a afirmação como um todo é verdadeira. Isso é meio contra-intuitivo, mas o que acontece quando a gente usa o OU é que estamos definindo uma série de opções - quando qualquer uma delas é verdadeira, o resultado é verdadeiro.

Bom, agora vamos ver como funciona a "função OU" no Excel.

A função OU


Sintaxe: OU(valor1, valor2, ...)

Você pode utilizar a função com diversos valores, com o mínimo de 1 valor e o máximo de 255 valores. O resultado é aquilo que a gente viu lá em cima: quando pelo menos 1 dos valores é verdadeiro, o resultado é VERDADEIRO. O resultado só é FALSO quando todos os valores são falsos.

Para exemplificar o uso da função OU, vamos imaginar que você trabalha em um clube e é responsável por verificar quem pode e quem não pode se associar ao clube. Em um primeiro exemplo, vamos considerar que apenas estudantes podem participar do clube:


Neste caso, ainda não precisamos da função OU. Tudo o que precisamos é verificar se a profissão (coluna D) do candidato a sócio é  igual a "Estudante". Na fórmula, o primeiro sinal de igual (=) é apenas para indicar o início da fórmula. Em seguida, temos uma comparação: D4="Estudante", que significa: o valor de D4 é igual a "Estudante"? Nas fórmulas o texto sempre deve ficar entre aspas, por isso que a palavra estudante está entre aspas.

Agora vamos considerar um segundo clube, em que o sócio pode ser tanto estudante quanto advogado:

Fórmula OU - Excel

Neste caso precisamos fazer duas verificações: A profissão é estudante? A profissão é advogado? Por isso utilizamos a função OU. Dessa forma, temos que se a profissão for estudante o resultado é verdadeiro (é o caso de Pedro). Se a profissão for Advogado, o resultado também é verdadeiro (casos de Maria e Luís). Se a profissão não for nem um nem outro, o resultado é falso.

Por último, vamos ver um clube em que a regra é: o sócio precisa ser estudante ou então idoso.

Exemplo de Fórmula OU - Excel

Detalhando um pouco mais a regra, temos que: quando a profissão é estudante, o resultado deve ser VERDADEIRO, independente da idade; Quando a idade é maior ou igual (>=) a 60, o resultado deve ser VERDADEIRO, independente da profissão; Se não for nem um nem outro, o resultado é FALSO. Ou seja, a afirmação que queremos verificar é: Profissão é estudante ou Idade maior igual a 60.




Em resumo: o resultado da função OU é VERDADEIRO quando pelo menos 1 dos seus argumentos têm valor VERDADEIRO. O resultado só é FALSO quando todos os argumentos têm o valor FALSO. Com esta função lógica podemos definir múltiplas condições em uma única fórmula, como nos exemplos acima. Normalmente a função OU é usada em conjunto com a função SE.

Gostou deste artigo? Então compartilhe com seus amigos e assine para receber mais dicas de Excel por e-mail.

Veja também: